Somos o que comemos?

blogpontog.jpg

Uma dieta variada e equilibrada é a base para uma vida saudável. Hipócrates, o famoso filósofo e conhecido como o pai da medicina, já dizia:

“Somos o que comemos”

E também famoso pela frase:

“Que seu remédio seja seu Alimento e, que seu Alimento seja seu Remédio”

Nosso bem-estar físico e mental está diretamente ligado ao que comemos e bebemos (além da maneira como alimentamos as diferentes áreas da nossa vida, para trazer equilíbrio e saúde - como relacionamentos, criatividade, financeira, espiritual, social, profissional etc).

O conteúdo nutricional do que comemos determina a composição de nossas células (sangue, hormônios, tecidos, órgãos, pele, cabelos...). Nossos corpos estão substituindo bilhões de células todos os dias e usando os alimentos que consumimos como fonte. Pesquisadores da Universidade de Oxford demonstraram que as dietas dos organismos podem afetar a composição de seus genes. A nutrição inadequada, além de afetar a saúde psicológica e física, é um dos principais fatores de risco para o surgimento de muitas doenças crônicas, como obesidade, diabetes, cardiovasculares, depressão e doenças autoimunes, por exemplo.

Segundo a Organização Mundial da Saúde, cerca de 1/3 das doenças cardiovasculares e do câncer poderiam ser evitadas através de uma dieta equilibrada e saudável. E por isso é tão importante prestar atenção ao que comemos, para a promoção de uma vida saudável, longeva e feliz.

“Somos o que comemos e comemos o que somos”

Uma dieta bem equilibrada não só resulta em melhor saúde e composição corporal geral, mas também devido à “conexão cérebro-intestino” - também pode nos fazer sentir bem. Hoje, evidências científicas mostram que problemas psicológicos e psiquiátricos podem não ter apenas a sua origem no cérebro, como acreditava-se antes, mas sim sofrer grande influência da microbiota. O cérebro e o intestino se comunicam de maneira bastante dinâmica e complexa: o intestino tem neurônios e aloja inúmeras bactérias que participam de processos importantíssimos ao organismo. E quando se fala em neurônios, são os mesmos que constituem o cérebro, e eles também ficam alojados no abdômen e têm uma alta produção de serotonina, a molécula que nos leva ao estado de bem-estar.

Comer bem faz parte da estratégia que pode reduzir nosso risco de qualquer doença crônica e até melhorar a condição de nossos próprios genes. Não há “uma regra para todos” quando se trata de comer bem. Aplicar as recomendações de médicos e nutricionistas como reduzir o consumo de açúcar, alimentos industrializados, produtos de origem animal e

ter uma dieta com uma boa variedade de fibras e nutrientes, pode ser o mais aconselhável para todos nós.

E o que mais aprendi nessa minha jornada de transformação através da alimentação?

1- Que o que eu como tem impacto não somente em minha saúde física e mental, mas também está diretamente conectada com minha evolução espiritual. Os alimentos naturais, vindos da terra, têm uma frequência energética elevada, o que me faz sentir mais conectada comigo mesma e com a inteligência maior que rege todo o Universo (chame de Deus, Aláh, Buddha ou no que você acreditar)

2- As minhas escolhas alimentares também influenciam nas escolhas alimentares da minha família e pessoas que convivem comigo. Comecei a prestar atenção nisso há 20 anos atrás, desde quando comecei minha transformação: com todas as pessoas que me relacionei, seja dividindo moradia, estudando, trabalhando e até o marido!... Quem não virou vegano, reduziu drasticamente o consumo de produtos de origem animal, melhorou o consumo de alimentos nutritivos e até aprendeu a gostar de cozinha e fazer do ato de se alimentar, um ritual de felicidade :)

3- Quando escolho alimentos naturais, sazonais, produzidos localmente, eu colaboro para o desenvolvimento da agricultura sustentável e economias locais, um sistema mais justo e sustentável para o planeta, pessoas e animais.

E você, come o que é e acredita? É e acredita no que come?

Muita luz e um suco verde pra todos vocês!

Anna Garcia

Siba mais: www.annagarciachef.com

Insta: @annagarciachef

Curso Online Culinária Plant Based

Dicas do Blog*G